Como eu era antes de você

113201204_1GG

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Além disso, trabalha como garçonete num café, um emprego que ela adora e que, apesar de não pagar muito, ajuda nas despesas. E namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou se vê obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, a ex-garçonete consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto e planeja dar um fim ao seu sofrimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.

Terminei ontem de ler o livro Como eu era antes de você da Jojo Moyes. É um romance diferente de todos os outros que já li.

No começo achei o livro bem parado e confesso que não estava muito interessada na história, tinha acabado de ler o Simplesmente Acontece e tava completamente apaixonada pela história, e pra quem já leu o Simplesmente Acontece, sabe que é uma história bem dinâmica, já o Como eu era antes de você é uma leitura mais estagnada.

Comprei o livro por causa da indicação de uma amiga da faculdade, ela terminou o livro e me disse que não havia gostado da história, porém fui procurar comentários na internet sobre o livro e só havia comentários maravilhosos sobre ele.

A história é sobre uma moça, Lou Clark, que tem uma vida bem acomodada, ela perde o emprego e acaba virando cuidadora de um tetraplégico muito rico, Will Traynor. O Will era CEO de uma empresa, praticava esportes, tinha uma vida super ativa e com um acidente trágico de moto ele acaba em uma cadeira de rodas e se torna uma pessoa amarga. No começo, a convivência era bem complicada entre os dois, Will era bem grosso com Lou e ela não podia perder o emprego, pois o pai estava desempregado e era ela quem sustentava a casa.

Lou tinha um namorado, Patrick, ele não era muito carinhoso com ela e se preocupava mais com os treinos de corrida dele do que qualquer outra coisa. Lou não era uma garota ambiciosa nem nada do tipo, porém quando ela descobre que o contrato de emprego dela como cuidadora era apenas de seis meses, porque era o prazo para Will ter vontade de viver e não querer se matar, ela começa a ver a vida de uma outra maneira e se coloca um objetivo, que é mudar essa decisão de Will.

Will e Lou começam uma amizade linda e contagiante. Lou convence Will sair de casa com mais frequência e tenta convence-lo que há uma vida mesmo sendo tetraplégico e se dedica totalmente a Will, com essa dedicação o namoro começa enfrentar problemas e é chegado ao fim.

Faltando alguns dias para o prazo final da decisão de Will eles fazem uma viagem de 10 dias para uma ilha maravilhosa, lá eles foram tratados super bem pelos funcionários do hotel e se divertiram muito. Na última noite Lou conta para Will que sabe sobre sua decisão e diz que está fazendo de tudo para que ele mude de opinião, assim ela se declara para ele e os dois se beijam, estão apaixonados. Infelizmente, mesmo assim Will diz que não tem como ele mudar de opinião, porque ele não suporta viver a vida em uma cadeira de rodas e ser completamente apaixonado por Lou e não conseguir ser o homem que ele era anteriormente do acidente. Ela fica muito desolada e magoada com Will por não mudar de opinião e voltam pra casa sem se falar.

Will pede que ela o acompanhe até as Dignitas, onde tudo acontecerá, e ela se recusa. Lou fica trancada em seu quarto por 36 horas seguidas, após uma ligação da mãe de Will implorando para que ela acompanhe o filho, Lou pensa muito e resolve acolher o desejo de Will.

Eles ficam juntos por um último dia e o sofrimento de Will termina. Lou recebe uma carta de Will pedindo para que ela leia a carta deixada por ele em um café em Paris. No café, Lou descobre que Will deixou uma quantia em dinheiro para ela estudar e aproveitar um pouco a vida, um desejo que ele despertou nela e assim ela acata a vontade dele.

É uma história muito bonita e comovente. Gostei bastante e recomendo para quem, assim como eu, gosta de um romance.

Beijinhos :*

Anúncios

Um comentário sobre “Como eu era antes de você

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s